Desembargador Milton Fernandes tem quadro inaugurado na galeria dos presidentes do TJ
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 06/12/2019 19:10

 

A Galeria dos Presidentes do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, no Foyer do Fórum Central, ganhou mais um retrato: o do desembargador Milton Fernandes de Souza (biênio 2017-2018). A inauguração, nesta sexta-feira (6/12), fez parte da comemoração ao Dia da Justiça, celebrado no dia 8 dezembro.

Ao lado da esposa, Doris Merz Fernandes de Souza, o magistrado se disse comovido com a homenagem. Contente, agradeceu o carinho e fez uma breve retrospectiva de sua administração. Milton Fernandes exaltou a determinação e a dedicação de todos os funcionários do Poder Judiciário para enfrentar a crise econômica e política enfrentada pelo Estado do Rio durante os anos de sua gestão.

- O Tribunal é um espaço coletivo e funciona com um trabalho de parceria. Os magistrados, serventuários, advogados e demais pessoas que trabalham aqui foram fundamentais para que a gente não sofresse com os efeitos da crise no estado. Unidos nós superamos esse desafio e isso engrandece nosso trabalho – afirmou o magistrado, que ingressou no TJRJ em 2000 e atualmente preside a 15ª Câmara Cível do Tribunal.

O ex-presidente descerrou o quadro ao lado de sua esposa; do atual presidente do TJRJ, desembargador Claudio de Mello Tavares, e de sua esposa, Glaycianne Sereno de Mello Tavares, que presenteou Doris Merz com um buquê de flores.

- Nesta data a gente celebra e homenageia pessoas que honraram o Judiciário e contribuíram para a sociedade, como é o caso do desembargador Milton Fernandes – elogiou o presidente Claudio de Mello Tavares.

A cerimônia de descerramento do novo quadro na Galeria dos Presidentes do TJRJ foi precedida por um culto ecumênica. O desembargador Claudio de Mello Tavares ressaltou a importância do evento para reafirmar os bons valores que devem nortear o trabalho do Poder Judiciário:

- Nós vivemos em um estado laico e aqui estão representantes de diversas religiões para celebrar o respeito, a bondade e o carinho. Muitas vezes as pessoas se perdem no mundo materialista, mas precisamos olhar para o próximo, ajudá-lo e valorizar princípios de solidariedade.

JGP/FS

Fotos: Brunno Dantas/TJRJ