TJRJ renova adesão ao Programa Agenda Ambiental na Administração Pública
Notícia publicada por Assessoria de Imprensa em 07/04/2022 18:57

O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ), por meio da Comissão de Políticas Institucionais para Promoção da Sustentabilidade (COSUS) e do Departamento de Ações Pró-Sustentabilidade (Deape), renovou nesta semana a adesão ao Programa Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P) do Ministério do Meio Ambiente. A iniciativa tem o objetivo de fomentar a responsabilidade socioambiental nas atividades administrativas e operacionais dos órgãos públicos, promovendo a qualidade de vida no ambiente de trabalho.

As ações a serem desenvolvidas pelo programa são estabelecidas em um plano de trabalho segmentado pelos seis eixos temáticos da A3P. São eles: uso racional dos recursos naturais e bens públicos; gestão adequada dos resíduos gerados; qualidade de vida no ambiente de trabalho; compras públicas sustentáveis; construções sustentáveis e sensibilização; e capacitação dos servidores. 

A A3P proporciona também a integração e controle dos dados por meio do sistema de monitoramento e premiação das melhores práticas de sustentabilidade.

A primeira adesão ao programa foi em 2010, sendo o TJRJ o segundo tribunal do país a aderir a iniciativa, reconhecendo, assim, que a Administração Pública, na condição de grande consumidora e usuária dos recursos naturais, tem importante papel na criação de novos padrões de consumo e produção.

Em 2014, o Tribunal do Rio recebeu o selo A3P Verde, conferido pelo Ministério do Meio Ambiente às instituições públicas pelo empenho ambiental. Em 2016, em parceria com o Jardim Botânico, o TJRJ conquistou o 2º lugar no 6º Prêmio Melhores Práticas da A3P, com o projeto “Rede Rio de Sustentabilidade”, na categoria Inovação na Gestão Pública. 

IA/FS